Notícias

a-
a+

Valadares Filho diz que governo Jackson Barreto perdeu totalmente o senso de responsabilidade

17.07.2017

Marcando presença, mais uma vez, na imprensa sergipana, o deputado federal Valadares Filho (PSB/SE) teceu considerações sobre diversos aspectos da vida política em Sergipe e no Brasil. A seguir, destacamos trêsimportantes temas que foram objetos de suas análises.

Governo Jackson Barreto

Segundo Valadares Filho, um governador que sai em férias, em meio a uma crise sem precedentes no estado, não tem nenhum senso de responsabilidade. Ele elencou, então, alguns elementos dessa crise: parcelamento de salários, que afeta, principalmente os aposentados, que ficam sem recursos nem para comprar medicamentos; os profundos problemas da Saúde e da Segurança Pública, cujos índices são os piores da história de Sergipe, sem deixar de mencionar a Educação, que também tem indicadores similares.

Ele também abordou o tema do desemprego quando disse que falta criatividade no enfretamento dessa questão, tanto que a classe empresarial está totalmente desestimulada. O deputado reconhece que não se pode resolver tudo do dia para a noite: “É preciso ter a percepção de que tem que se infiltrar no problema para que ele seja, pelo menos, minimizado. Mas o que a gente vê é um governador que meio que lavou as mãos. Ele não tem visão administrativa, pelas suas próprias limitações, e, como gestor,não resolve nada, age como se não tivesse mais o que fazer eentão vai curtir as férias no Mar Mediterrâneo, no conforto dos cruzeiros, passando o comando do Estado ao vice-governador, que é um mero defensor do indefensável”.

E arremata, de forma enfática: “É um governo que perdeu, totalmente, o senso de responsabilidade.É um governo que, sem dúvida alguma, é o pior da história de Sergipe, em todos os setores. É um governo que não tem uma marca, que não tem uma obra que melhorou a vida dos sergipanos. Qual é a obra marcante do governador Jackson Barreto? Nenhuma!”.

Sobre as denúncias contra o presidente Michel Temer

O deputado afirmou que votará a favor da continuidade do processocontra o presidente Michel Temer porque considera que nenhum brasileiro deve estar acima da lei e da Justiça: “Existe uma denúncia formal da Procuradoria Geral da República acusando o presidente de corrupção passiva, então eu acho que essa denúncia deve ter continuidade pelas grandes evidências que foram ali colocadas. E que ele seja julgado no Supremo Tribunal Federal, cujo processodeverá ser isento e justo. E, se ele for condenado, que cumpra a pena que lhe for imposta pela Suprema Corte do país”.

Reforma Trabalhista

Considerando que houve pouquíssima participação dos sindicatos e de outras importantes entidades, além da sociedade como um todo, Valadares Filho votou contrário à Reforma Trabalhista. Ele explica seu posicionamento: “É claro que modernizar a legislação trabalhista é algo necessário, para, principalmente, se adequar as relações entre os empregados e empregadores às modernas tecnologias, que permitem novos formatos nas atividades laborais. Mas isso não pode ser realizado da forma que foi feito, tirando direito dos trabalhadores, fazendo com que a gente tenha uma discussão muito fria de um projeto tão complexo e que envolve a vida de milhões de brasileiros”.

 

 

©2013. Deputado Valadares Filho. Direitos reservados.